Allergo
AGENDE SUA CONSULTA (44) 3622-6393

Artigos

Imunoterapia na gestante pode funcionar como prevenção de alergia no bebê 20 de agosto de 2018

A imunoterapia alérgeno-específica, tem como característica modular a resposta imunológica, sendo capaz de modificar a história natural da doença atópica.

A Academia Européia de Alergia e Imunologia Clínica, recomenda a imunoterapia como estratégia de prevenção primária e secundária. Por exemplo,  estudos bem delineados mostram que a utilização de imunoterapia alérgeno-específica em  pacientes com rinite alérgica  seria estratégia capaz de prevenir o aparecimento de Asma no futuro.

Estudo caso-controle comparou crianças nascidas de mães que utilizaram imunoterapia por pelo menos nove meses antes do parto com um grupo controle. 

A doença alérgica foi significativamente menor nas crianças cujas mães alérgicas receberam tratamento com vacinas.

Outros estudos seguiram crianças até dois anos de idade, e observaram prevenção primária de alergia, após imunoterapia específica para inalantes, poeira, ácaros e pólens, durante a gestação, as quais desenvolveram anticorpos IgG específicos para os respectivos alérgenos, protegendo seus futuros filhos de sensibilização IgE específica .

Por isso a imunoterapia na grávida com sintomas de rinite, asma poderá representar num futuro próximo, uma estratégia de prevenção primária de doenças alérgicas às crianças de risco.

Fonte: Associação Brasileira de Alergia e Imunopatologia volume2 Abril/Junho/2018





Avenida Rio Branco - 4332 - 87501-130 - Umuarama/PR - (44) 3622-6393
Facebook


Prestige